sexta-feira, 31 de agosto de 2007

"Espero pontuar ou ganhar na Madeira"


O treinador da Académica, Manuel Machado, admitiu hoje, em conferência de imprensa após o treino no Bolão, empatar ou mesmo ganhar na Madeira ao Marítimo, em jogo da 3ª jornada da Liga Portuguesa de futebol.
"Pontuar é sempre bom, mas a nossa intenção é ir à procura dos três pontos", afirmou o técnico dos "estudantes".
O timoneiro da equipa de Coimbra considerou que há alguns progressos no seio da equipa devido à recuperação de alguns jogadores e que "o leque de opções é mais aberto, daí procurar um onze numa base mais alargada".
Sobre o Marítimo, líder da prova juntamente com o FC Porto, que começou com a prematura saída da Taça da Liga tal como a Académica, Manuel Machado diz que é uma equipa moralizada pelas duas vitórias que conseguiu frente ao Paços de Ferreira, em casa e ao Boavista, fora.
Dado que hoje é o último dia de inscrição de novos jogadores na Liga, Manuel Machado admitiu que não esperava mais ninguém, já que, segundo ele, a equipa tem valor para fazer uma boa temporada.


Sobre o avançado senegalês N'Doye, o treinador da Briosa reiterou que conta com ele para o jogo, uma vez que "tem trabalhado muito bem".

Simplesmente escândaloso!!!

Nota:
N´Doye não foi convocado...Mas isto são palavras de MM antes de sair a convocatória.

MARÍTIMO X ACADÉMICA: CONVOCADOS

A Académica disputa no próximo domingo frente ao Marítimo o encontro da terceira jornada da BwinLiga.

Os 18 convocados do Prof. Manuel Machado são:

24 Pedro Roma
12 Ricardo
2 Joeano
3 Fofana
4 Kaká
5 Markus Berger
7 H. Barbosa
8 Paulo Sergio
10 Miguel Pedro
11 Lito
15 Orlando
17 Cris
22 Sarmento
23 Milos Pavlovic
27 Vouho
29 Gyano
33 Tiero

66 Peralta

Nota: Nova ausência de Ivanildo por opção, e de Litos devido à expulsão no jogo frente á U.Leiria. Vitor Vinha e Pablo Castro de fora...

As outras 7 "maravilhas"...







Este ano, o nosso país conseguiu um feito inédito, ao apresentar 7 equipas nas competições europeias de futebol. Depois de Porto e Sporting se terem apurado directamente para a Champions, o Benfica teve de suar bastante para conseguir o passaporte para a "milionária". As restantes 4 equipas, a saber Braga, Belenenses, P.Ferreira (via campeonato) e U.Leiria (via Intertoto) irão disputar a Taça Uefa.


O nosso blogue deseja a maior sorte do mundo a todas elas, esperando que levem bem alto o nome de Portugal.


Infelizmente, tal como nas "outras maravilhas da tv" Coimbra não teve nenhum representante nestes últimos 7. Fica de resto (como sempre...) a esperança que melhores dias virão...


Para finalizar, deixo aqui uma sugestão, para quando uma aposta na Taça Intertoto meus senhores??

quinta-feira, 30 de agosto de 2007

Miguel Pedro em dúvida para o Marítimo*


O médio-ofensivo Miguel Pedro sofreu uma entorse na região tibiotársica esquerda, no treino desta quinta-feira, na sequência de uma entrada por trás de NDoye, e está em dúvida para o encontro de domingo, no Funchal, frente ao Marítimo.

Só durante a sessão desta sexta-feira, quando o jogador será reavaliado pelo departamento médico da Académica, será possível determinar se este será ou não recuperável para o embate do fim-de-semana.

Em contrapartida, Manuel Machado já pode contar com os contributos de Orlando e Tiero, dois atletas que poderá, até, ser titulares frente ao conjunto insular.


*Maisfutebol

Cristiano Araujo nos sub-19

Foi divulgada a lista de convocados para os sub-19, que vai realizar dois jogos amistosos com a Irlanda.Nesta lista está incluído o nosso jogador Cristiano Araujo.

Eis a lista de convocados:

A. Académica Coimbra: Cristiano Araújo;
Boavista FC: Ricardo Neves, Hugo Silva e Rui Rainho;
Chelsea FC: Fábio Ferreira;
CD Nacional: Carlos Pita;
FC Porto: André Pinto e Valter Fernandes;
Louletano DC: Francisco Maia;
Olympique Lyonnais: Anthony Lopes;
SL Benfica: André Carvalhas, Miguel Vítor, Romeu Ribeiro e Ruben Lima;
SC Braga: Stélvio Cruz;
Sporting CP: Adrien Silva, André Santos, Marco Matias e Diogo Rosado;
Vitória SC: Rabiola.

José Francisco nos sub 17

O seleccionador de sub-19, Carlos Dinis, convocou 26 jogadores para um estágio de dois dias (4 e 5 de Setembro), que vai ser realizado no Complexo Desportivo do Jamor.
Eis a lista de convocados:

Académica: José Francisco.

Naval 1º Maio: César Jesus.

Boavista: Baptista, Esmael, Nelson Pereira e Ruizinho.

Penafiel: João Carlos.

Sporting Braga: Aníbal e Tiago Gomes.

Benfica: André Campos, Artur Lourenço, Fábio Pereira e Nelson Oliveira.

Sporting: Alex Zahavi, Cedric Soares, Filipe Paiva, Januário, Luís Almeida, Luís Oliveira, Mário Rui, Nuno Reis e Ruben Luís.

Vitória Guimarães: Cláudio Ramos, João Pedro, Nandinho e Rafael.

Hélder Barbosa nos sub-21


O mágico Hélder Barbosa foi convocado por Rui Caçador para os 2 jogos de qualificação para o Campeonato da Europa de sub-21.
A Selecção jogará dia 7 na República da Irlanda e a 11 de Setembro em Gaia diante o Montenegro.
Eis a lista completa:


A Académica de Coimbra: Hélder Barbosa;
CD Nacional: João Coimbra e João Moreira;
CF ‘Os Belenenses’: Gonçalo Brandão;
FC Dínamo de Moscovo: Cícero;
FC Paços de Ferreira: Antunes;
Fulham FC: Ricardo Batista;
FC Internazionale: Pelé;
Leixões SC: Paulo Machado e Vieirinha;
Portimonense SC: Nuno André Coelho;
PSV Eindhoven: Manuel da Costa;
Rio Ave FC: Vítor Gomes;
SC Olhanense: Vasco Fernandes;
SL Benfica: Fábio Coentrão;
Sporting CP: Bruno Pereirinha, Miguel Veloso, Rui Patrício e Yannick;
Valencia CF: Manuel Fernandes.


Ultimas


Tiero e Nuno Piloto condicionados
Tiero, médio-centro que já se tornou num dos imprescindíveis de Manuel Machado (foi sempre titular), tem treinado à parte – por causa de um toque que, de resto, o obrigou a ser substituído no jogo frente aos leirienses –, mas em princípio vai estar em condições de defrontar o Marítimo, já o Nuno Piloto está dúvida para Domingo.

Orlando e P.Costa de volta aos trabalhos
Já o central Orlando e P.Costa regressam hoje aos trabalhos e devem viajar para a Madeira.

Uruguaios
Pablo Castro deve na Madeira fazer o primeiro jogo oficial com a camisola da Briosa.Já Peralta, deve ser convocado mas não titular devido a incapacidade física...

Plantel fechado
Segundo o Record, José Eduardo Simões admitiu que "não haverá mais surpresas, e que será este o grupo que irá atacar a liga 2007/2008".

Outra vez N´Doye


O presidente da Académica, José Eduardo Simões, esclareceu hoje que o avançado senegalês Ousmane N'Doye está a braços com três casos disciplinares na presente temporada.
O primeiro diz respeito à sua chegada tardia na pré-temporada, tendo excedido em muito os prazos estabelecidos para o seu regresso ao trabalho; o segundo prende-se com a falta a um treino sem justificação e o terceiro tem a ver com a noitada da passada sexta-feira numa discoteca da Figueira da Foz, violando o regulamento disciplinar da instituição, motivo que o afastou do jogo com a União de Leiria, segundo o técnico Manuel Machado.O presidente adiantou ainda que estes casos estão entregues ao departamento jurídico que avaliará quais as medidas disciplinares a adoptar em relação ao avançado senegalês.


Nota:
Vamos aguardar por "mão pesada"...

quarta-feira, 29 de agosto de 2007

Aguenta Coração...


Regressado muito recentemente de férias, mas acompanhando sempre que possível o dia a dia da nossa instituição, é com bastante desagrado que vejo a actual situação de indisciplina que se vive no seio da equipa profissional de futebol, a qual se reflete como é óbvio, nos sócios e simpatizantes da Académica. Apesar de este ser um assunto grave e que o nosso blogue irá acompanhar de perto, hoje proponho uma pequena reflexão aos nossos leitores sobre as recentes mortes súbitas no desporto, mais propriamente no futebol.

Esta terça-feira ficou marcada pela chocante morte do espanhol Antonio Puerta. O jogador do Sevilha teve problemas cardíacos durante o jogo de domingo, aos quais não conseguiu sobreviver.
Neste mesmo dia o jogo entre o Nottingham Forest e o Leicester City foi suspenso depois de Clive Clarke ter desmaiado ao intervalo.Tim Davies, director do Leicester adiantou que Clarke não está muito bem, mas pelo menos conseguimos ainda falar com ele.
«Clive Clarke caiu nos balneários durante o intervalo e agora os nosso pensamentos e orações estão com ele e a sua família», adiantou Davies.
Deixo de seguida uma lista das mais recentes mortes ocorridas em campo:
MIKLOS FEHER - Jogador húngaro, de 24 anos, actuava pelo Benfica (POR). Caiu no relvado no dia 25/01/2004, contra o Vitória de Guimarães e morreu vítima de paragem cardíaca.
MAX - Defesa do Botafogo de Ribeirão Preto. Morreu aos 21 anos, no dia 2 de julho de 2003, após passar mal num treino de equipa no estádio Santa Cruz.
MARC-VIVIEN FOE - Jogador da seleção de Camarões. Morreu, aos 28 anos, no dia 26/06/2003 após sofrer paragem cardíaca durante a partida contra a Colômbia, pela Taça das Confederações, no estádio Gerland, em Lyon (FRA).
JOSÉ ROBERTO RODÁS - Juiz de futebol, morreu em fevereiro de 2003 também de enfarte fulminante, quando apitava o amistoso entre Guarani e Olimpia, em Assunção, no Paraguai.
VÁGNER - O defesa, conhecido como Bacharel por seu bom nível intelectual, morreu dia 14/4/90, uma semana depois de bater com a coluna cervical no chão, durante partida entre Paraná Clube e Campo Mourão. Tinha 35 anos.
BARRY WELSH - De enfarte, aos 19 anos, no dia 1 de novembro de 1987, quando jogava pelo Ivybridge contra o Rangers, pela segunda divisão do Campeonato Inglês.
BETO - Central do Moto Clube, aos 26 anos, de enfarte, no meio do jogo contra o Tocantins, dia 14/9/85, no Castelão, em São Luís.
JOCK STEIN - No dia 10/9/85, em Glasgow, o então técnico da Escócia teve enfarte fulminante logo após empate em 1 a 1 da sua equipa contra o País de Gales, pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 86.
TROSSERO - Aos 29 anos, o argentino morreu de enfarte no vestiário, após vitória de sua equipa, o River Plate, sobre o Rosário Central, em 83.
CARLOS ALBERTO BARBOSA - Lateral-direito, aos 26 anos, durante jogo Sport x XV de Jaú, em Recife, dia 4/3/82. Também teve enfarte fulminante no relvado.
OMAR SAHNOUN - Aos 25, em 1980, durante treino da sua equipa, o Bordeus. Ele tinha 25 anos e sofreu um enfarte.
VALTENCIR - Lateral-esquerdo, aos 32 anos, em 18/9/78, quando jogava pelo Colorado, o actual Paraná Clube. Teve lesões na coluna cervical e no cérebro, após choque com um adversário do Maringá.
MICHEL SOULIER - Central do Namur, da Bélgica, aos 27 anos. No dia 27/8/77 levou uma bolada no peito no jogo contra o Anderlecht e teve colapso cardíaco. Morreu no hospital.
ZEZINHO FIGUEROA - Aos 34 anos, o defesa da Inter de Limeira caiu no relvado, provavelmente vítima de aneurisma cerebral, quando disputava uma bola.
MOACIR BARCELOS DE SOUZA - De crise convulsiva durante partida entre o Atlético de Alagoinhas e Bahia, pelo Campeonato Baiano. Tinha apenas 23 anos.
GERALDO - Defesa do Jataí, caiu em campo ao cabecear uma bola, no jogo contra o Itumbiara. Morreu de enfarte aos 25 anos no hospital.

Perante estas tragédias urge fazer alguma coisa...Exames extremamente rigorosos a todos os jogadores no início de época, um desfibrilhador por cada equipa julgo ser o mínimo que se pode fazer para diminuir este flagelo. Uma nota também para o futebol distrital onde posso contar por experiência própria, que pude competir um ano sem qualquer exame feito. E tenho conhecimento que há vários casos como este por todo o país. É preciso mudar este deixa andar antes que notícias como as de ontem se tornem a repetir...

N'Doye com processo*


Como se previa, a Académica já abriu um processo disciplinar a N'Doye por este ter sido visto, na madrugada de sábado, numa discoteca da Figueira da Foz. Ao saber disso, Manuel Machado não convocou o senegalês para o jogo frente ao Leiria e passou o caso à Direcção. “O assunto já está no departamento jurídico e vai seguir os trâmites normais. O jogador é um profissional do clube e por isso continua a treinar normalmente, como aconteceu hoje [ontem]”, explicou o director-desportivo do clube, Luís Agostinho.

Atenção às sanções:

As possíveis sanções são monetárias (um corte significativo no salário) ou, no limite, a rescisão de contrato por justa causa. N'Doye – que já teve um processo disciplinar por chegar atrasado à pré-época – não se alongou em comentários, mas garantiu que quer jogar: “Fala-se de muita coisa, mas estou tranquilo, gosto de estar aqui, estou a treinar e só penso em jogar.” Manuel Machado, por sua vez, disse que está à espera de uma decisão directiva. “Entreguei o assunto aos dirigentes, a partir daí não é da minha competência”, justificou. Certo é que, se aparecer uma boa proposta, a Académica não exclui a hipótese de vender o passe do senegalês.
Interessante quando N´Doye diz que: "gosta de estar em Coimbra e quer jogar..."

É preciso mão pesada para o Senegalês.

*Jornal Ojogo

terça-feira, 28 de agosto de 2007

O blog do amigo Mário


O Mário José de Castro saiu da blogosfera da Académica. Uma decisão sua, que temos que respeitar. Então assumiu um projecto ambicioso, mas sei que está a altura, e que para a qual lhe desejo toda a sorte!!!

Mas hoje, decidiu criar um "espaço seu", onde vai abordar diversos temas.

Façam como eu, e visitem o seu blog:

Paulo Costa


Do Porto viaja para a Madeira, no próximo domingo, o árbitro Paulo Costa para ser o Juíz do jogo Marítimo-Académica.
Nunca fomos "felizes" com este árbitro. Vamos sonhar que os ares de Jardim façam mudar radicalmente a forma de actuar quando a Briosa joga.

2 jogos para Litos


A Comissão Disciplinar da Liga decidiu atribuir dois jogos de suspensão a Litos, expulso na partida com a União de Leiria. Lembro que foi expulsão directa, e assim o castigo foi o esperado...
Litos irá falhar o jogo na Madeira com o Marítimo e recepção ao Paços de Ferreira.

Que venha Berger para a titularidade!!!

Ultima hora


N´Doye está a treinar normalmente no campo do Bolão.Segundo fonte segura, o ainda hoje a direcção irá reunir para decidir o que fazer ao Senegalês.
O "Denuncias&Opiniões" ainda no dia de hoje saberá as conclusões desta reunião...

Na volta....


... estou errado e a Académica está a fazer um belo início de Campeonato...

... Manuel Machado tem toda a razão em pedir paciência e tempo...

... não estamos sem ganhar há nove meses em casa...

... a situação económica da Académica é salutar e há dinheiro a rodos...

... a AG para aprovar o orçamento para esta época, não devia ter sido realizada em Junho...

... os reforços da Briosa são os melhores dos últimos anos...

... Manuel Machado fez bem em dizer que Pedrinho não era jogador de 1ª liga...

... temos cada vez mais gente no estádio...

... N'Doye não vai ser castigado...

... Manuel Machado não impediu as camadas jovens de equipar nos balneários do Bolão...

... a Academia Dr. Francisco Soares, não vai ser centro de estágio para SENIORES...

... Manuel Machado não perdeu o "balneário" com a "estória" do N'Doye...

... Manuel Machado deve renovar contrato por mais 10 anos...

... a venda dos bilhetes de época estão a ser um sucesso...



E nós sem sabermos....

N'Doye está de saída*


O senegalês N’Doye não deve continuar na Académica. No último domingo, no final do empate caseiro (1-1) com a U. Leiria, foi o próprio Manuel Machado a revelar que o jogador não fora convocado porque tinha estado numa discoteca da Figueira da Foz horas depois de ter garantido a Machado que estava em condições de actuar.

Depois do atraso de várias semanas no regresso das férias e dos antecedentes de N´Doye na Briosa, o senegalês enfrenta novo processo disciplinar. A madrugada na Figueira terá significado o epílogo da passagem do africano pela Académica.

Hoje, às 16.30, no Bolão, no regresso ao trabalho, o médio já não deverá comparecer junto do restante grupo.

*Jornal Record

Nota: Resta saber se esta saída é por venda ou rescisão. Lembro que a Briosa fez um elevado investimento neste Senegalês.
Mas não deixa de ser uma boa noticia...

segunda-feira, 27 de agosto de 2007

Futsal: Académica na Zona Sul da 2a Divisão


A Académica vai voltar a jogar, dois anos depois, na série B da 2a Divisão, segundo avança o Norte Desportivo, em virtude da localização geográfica perante as restantes equipas que vão integrar a Série A.

A descida de três equipas do Norte (Sp. Braga, Junqueira e Modicus) vai originar novos reajustamentos nas séries do segundo escalão. Com 15 formações para 14 lugares, a Académica vai de novo transitar para a zona mais a Sul, visto que as restantes pretendentes (Piratas de Creixomil, Mogadouro, Macedense, Boticas, Rio Ave, Juvenorte, Miramar, Amanhã da Criança, Lameirinhas, Beira-Mar e Gafanha) estão todas localizadas mais a norte geograficamente.


Litos


Já muito foi discutido a atitude de Litos no jogo de ontem.Contudo, não consigo parar de imaginar como seria o desfecho do jogo, se o experiente central nao tivesse cometido aquela loucura, que para um profissional, com a sua experiência nunca pensei ver...
O jogo estava equilibrado, se calhar com o Leiria um pouco mais organizado, mas com 11 para 11, o resultado era outro.
Esta sua atitude, prejudicou mais uma vez a equipa.Já em Alvalade deveria ter sido expulso, no ano passado foi o que se viu com (Setúbal e Nacional).
Não estou a tentar massacrar o Litos, mas em minha opinião, já não tem lugar no onze da Académica. Berger e mesmo Orlando parecem-me melhores opções, aliás, ontem vimos um Berger muito acima de Litos.
Para que as dúvidas fiquem esclarecidas fica mais uma vez a entrada brutal de Litos:

Palavras para quê???

Resumo do Académica-U. Leiria

domingo, 26 de agosto de 2007

Machado pede tempo e paciência

Manuel Machado, treinador da Académica, no final do empate em casa (1-1) frente à U. Leiria, começando por justificar o resultado com uma série de contrariedades que estiveram associadas às substituições que fez e alertando para o facto de a equipa estar ainda em construção:

«A primeira foi retirar o Gyano por necessidade de reequilibrar a defesa em consequência da expulsão do Litos; depois tive de retirar o Tiero devido a uma pancada e, finalmente, o Vítor Vinha por causa de um hematoma num olho que o deixou praticamente sem ver. Penso que ambas as equipas entraram de forma tímida e acabámos por ficar condicionados pela expulsão e mais ainda pelo golo sofrido. Mas, apesar destes imponderáveis, penso que a equipa acabou por sair enaltecida pela forma como trabalhou, lutou e acreditou até ao fim. São nove meses sem ganhar em casa? Como sabem, esta é uma equipa ainda em construção, com muitos jogadores sub-23 e outros ainda em recuperação de lesões prolongadas, como o Hélder Barbosa. Não há golos, porque as coisas não se compram já feitas. É preciso tempo, paciência e trabalho. Mas continuo a dizer que estamos à frente em relação ao ano passado por esta altura, quando perdemos aqui com a Naval, e a acreditar que vamos fazer um melhor Campeonato.»

No meio da Conferência de Imprensa, foi dado a conhecer ao público em geral e sócios em particular mais um escândalo:

Noitada em discoteca afastou NDoye do jogo com a U. Leiria.

Manuel Machado aproveitou a conferência de Imprensa a seguir ao jogo com a U. Leiria para abordar o afastamento de NDoye da lista de convocados, assim como de Ivanildo. Se, no caso deste último, o técnico justificou a ausência com questão de ordem técnica, já no caso do senegalês revelou que o afastou devido a uma questão do foro disciplinar:
«Pelo respeito que os sócios me merecem, sou obrigado a falar desta situação que me entristece. Estivemos a trabalhar durante a semana com base numa equipa que incluía o NDoye e, chegados a sexta-feira, tive uma conversa particular com o jogador para saber como ele estava, até porque havia uma série de antecedentes, como por exemplo o episódio com o irmão dele, no final da última época, e ele garantiu estar em condições de jogar. Obviamente que acreditei nele e achava que merecia jogar até por ter trabalhado bem durante a semana. Mas, no sábado de manhã, fomos alertados para o facto de o jogador ter estado numa discoteca, algo que ele desmentiu prontamente. Confirmamos a estória com base em quatro testemunhas e, com base nisso, ele não foi convocado. No princípio da semana, esta informação será passada à Direcção que decidirá o que fazer.»

Académica 1-1 U.Leiria

Já lá vão nove meses desde a última vitória em casa.E nesses meses todos, marcamos 2 golos e de penalti (Fcp e U.Leiria). Muito mau!!!

Hoje foi mais um para a estatística. Um jogo em que a Briosa entrou inexplicavelmente nervosa, dando a possibilidade aos Leirienses de dominar o jogo.
Até que ao minuto 28, Litos comete uma entrada louca sobre um adversário é muito bem expulso, numa falta a meio-campo...Onde está a experiência deste central???
O jogo chegou ao intervalo sem nada de interesse.

Na segunda parte, logo aos 3 minutos, N´Gal arranca para cima de Vinha (que não teve pernas...) e deu o golo de bandeja para J.Paulo.
Machado decidiu então mudar, e fez entrar H.Barbosa,para alargar a frente de ataque.Durante quase 20 minutos, viu-se pouco futebol da Briosa.
Até que aos 61 minutos, naquela que para mim foi a melhor jogada da Briosa, Lito entra que nem uma flecha na área, e permite a Fernando fazer uma boa defesa. No canto, Berger antecipa-se e Hugo Costa e este toca na bola com a mão: Penalti a favor da Briosa.

Golo, e tudo muda...

Joeano chamada a converter, não falhou, e fez o empate.
A partir daí e 10 para 10, o jogo abriu, com oportunidades para os dois lados, com Lito em bom plano. Mas notou-se perto do fim, que os nossos jogadores rebentaram fisicamente, e já não tiveram forças para um "pressing" final. Foi pena...

Em suma: um início muito mau, com falta de um fio de jogo, muitas falhas defensivas, e um ataque inoperante. Mas valeu a entrega nos últimos 20 minutos já com o Leiria também reduzido, onde se viu uma boa entrega, os jogadores a fazerem tudo para chegar à vitória...
Com um bocadinho mais de sorte, ganhávamos o jogo.

P.Roma (4): Duas defesas soberbas...
Sarmento (3): Mal na 1a parte, e melhorou na 2a.Como diz um comentário vosso, como é possível um extremo de formação não ir à linha tirar um cruzamento???
Kaka (2): Tantos erros...Meu Deus.
Litos (0): Péssimo!!!Não pode fazer aquilo que fez. Onde está a tão falada experiência deste central???
Vinha (1): Vem de lesão...Mas isso não explica tudo.
P.Sergio (3): Correu imenso.Muito batalhador.
Cris (3):Uma mais valia. Quando passou para defesa-esquerdo teve melhor que Vinha.
Tiero (2): Muito apagado. Não deu a criatividade que todos esperamos.
Lito (4): O melhor da Briosa. Só faltou o golito.
Gyano (3): O sacrificado para a entrada de Berger.
Joeano(3) : Tem nota 3 pelo golo. Pede-se mais a Joeano.

Berger (4): Não é um primor...Mas muito eficiente. Falha no golo do Leiria, mas depois teve uma actuação muito conseguida.
H.Barbosa (3): Mudou o jogo, mas as suas assistências para os colegas não lhe saíram bem.
Pavlovic (2): Não conseguiu dar a força ao meio-campo que MM pretendia.

Manuel Machado (1): Há muito que desisti de tentar entender o "professor"... Comete sempre os mesmos erros nas abordagens aos jogos.Mal tacticamente e nas substituições então é um desastre. Senhor Professor, Como é possível não ganharmos há nove meses em casa???Só marcar dois golos??? Faça um favor aos sócios da Briosa: DEMITA-SE!!!

Académica 1-1 U.Leiria

João Paulo marcou para os Leirienses, e Joeano empatou.
Litos expulso aos 28 minutos.

Análise daqui a breves momentos.

Académica- U.Leiria

Como vai ser impossível fazer o jogo em directo, visto os editores estarem presentes no ECC, abrimos este post para que os leitores deixem os seus comentários, sobre o que se vai passando no Académica- U.Leiria.
Mais tarde a análise detalhada do jogo, com a classificação dos nossos atletas e treinador.
Vamos à vitória, MALTA.

Juvenis: Sp. Espinho-2 Académica-3

Começou hoje o Campeonato Nacional de Juvenis, e a Académica entrou com o pé direito. No difícil campo do Espinho venceu por 3-2. Eis as palavras do treinador André Lage:

"Ganhámos 3-2. Primeira parte dividida: 1-0 para nós. Correcções ao intervalo e segunda parte toda nossa. 3-1 natural e 3-2. Muito raramente falo em arbitragem, mas hoje sinto que nos empurraram muito para trás. Vitória justa mas sofrida. Estamos ainda longe do que queremos. Muito trabalho pela frente..."

Os golos da Briosa foram marcados por Zé Francisco (1'), Flávio (31') e Zé Francisco (68')

Muitos parabéns André, e votos de excelente campeonato.

sábado, 25 de agosto de 2007

Todos ao Estádio Cidade de Coimbra!!!


Chega de conversas, e toca a agir!!!
Amanha , pelas 16horas, é nossa obrigação ir ao Estádio Cidade de Coimbra apoiar a nossa Briosa.
A época não começou da melhor forma, mas domingo é para ganhar...Nós fazemos a nossa parte, agora é esperar que jogadores e equipa técnica façam a sua obrigação.

Pessoal, os preços não são muito altos, toca a tirar o cachecol e bandeira da gaveta e vamos apoiar a nossa Briosa!!!


Vamos tentar repetir momentos como este...

A BRIOSA PRECISA DE NÓS!!!

Iniciativa conjunta de dois dos mais visitados blogs da Académica "ViverAcadémica" e "Denuncias&Opiniões".

ACADÉMICA 6- 0 Vianense (em directo)

Acaba a partida: A Académica apresentou-se hoje aqui no Luso desfalcada,mas encontrou um Vianense que não fez um único remate à nossa baliza...Foram 6, mas podiam ter sido 10,11,12 golos.
Os destaques vão para André Gonçalo e para Hugo, um extremo que deu nas vistas.
É bom começar a ganhar!!!


47min:Foi um aviso para o GOLOOOOOOOO.Hugo a marcar mais um...6-0.
45min:
Bola na trave...Quase o 6º golo.
40min:
Mais parece um treino, tantas as facilidades.
30min:
Entra Figueiredo e sai a "estrela"André Gonçalo.
27min: GOLOOOOOOOOO...Entrou e marcou.Excelente golo de Rafael.
25min:
Entra Rafael sai Ivo
20min:
Sai Garfo e entra Vasco.
17min:
Temos jogador.Este André Gonçalo é craque!!!
15min: GOLOOOOOOOOOO...Outra maravilha do miúdo André Gonçalo,chapéu fantástico ao Guarda-Redes do Vianense.4-0.
5min:
A Académica falha o 4º de baliza aberta...Continuam as facilidades!!!
Começa a 2a parte.

Intervalo...Domínio absoluto da Briosa!!!
30min:
O jogo acalmou...O Vianense não assusta.
23min:
Um jogo fácil para começar o campeonato...Destaca-se André Gonçalo com 2 golos. Este último num remate a 20metros da baliza!!!
19min: GOLOOOOOOOOOO...Que grande golo de André Gonçalo... Aí está o 3º!!!
10min:
Domínio total da Briosa!!! Dois golos em 8 minutos...Muito forte a equipa de R.Silva.
8min: GOLOOOOOOOOOOO...Incrível!!! Carlos Inácio a fazer o 2-0.
5min: GOLOOOOOOOOOOO...Já estáaaa!!! André Gonçalo
(ex Sporting). 1-0
Começa a partida...

Onze da Briosa:

Ricardo Bem Haja
Ivo
Elias
João Pedro
Galvão
Bruno Simões
Garfo
Rafael Machado
Carlos Inácio
Hugo
André Gonçalo

Cerca de 100 pessoas a assistir.

Os nossos juniores entram em campo daqui a breve momentos no complexo do Luso.
Vamos lá ganhar isto!!!

Lembram-se dele?

Pois é. Vamos desperdiçando os nossos talentos das camadas jovens, e outros, neste caso do estrangeiro ( Holanda) recebem-nos de braços abertos.
Tozé, ex-júnior da Académica há 2 anos, melhor marcador do Nacional de Júniores desse ano, acaba de assinar um contrato de um ano, mais um de opção, por uma equipa da 2ª divisão Holandesa ,o FC Zwolle muito conhecida, com pretensões de voltar à 1ª Liga do País das Tulipas.
Desejamos as melhores felicidades a este jovem de valor incontestável, e rogamos a quem de direito da Académica, para pôr os olhos neste caso. Será que Tozé, ou Pedro Ribeiro, não serão incomparavelmente superiores a Nestor, ou Gyano?
Para mim são. Mas têm um defeito terrível: Falam Português e fizeram carreira na Académica...

Convocados

Os 18 jogadores escolhidos por Manuel Machado foram:

24 Pedro Roma
12 Ricardo
2 Joeano
4 Kaká
5 Markus Berger
7 H. Barbosa
8 Paulo Sergio
10 Miguel Pedro
11 Lito
17 Cris
18 Vitor Vinha
21 Litos
22 Sarmento
23 Milos Pavlovic
27 Vouho
29 Gyano
33 Tiero
66 Peralta

Destaque para as ausências de Ivanildo e de N´Doye (para mim não foi novidade), e também de P.Costa, Orlando e P.Castro.
Peralta e Vouhu são novidades!!!

Hoje em directo Académica-Vianense (Juniores)

O "Denúncias&Opiniões" como tem vindo a ser hábito, vai em directo dar a conhecer todos os pormenores sobre o jogo a contar para a 1ª jornada do Campeonato Nacional de Júniores entre a Académica e Vianense. Desde já se deseja a toda a equipa e ao seu técnico Rui Silva, as maiores felicidades para esta "maratona". Os melhores, já sabemos que somos. Basta materializar a qualidade em campo.

Nota: Muito em breve a história degradante que Manuel Machado está a fazer às camadas jovens da Académica. Desde ignorá-los até os impedir de se equiparem no Complexo Dr. Francisco Soares.

Nota 2: Já agora, também muito em breve, a imoralidade que está a ser feita quanto à Academia.
Por acaso alguém sabia que vai ser o centro de estágios para os seniores, afastando-se assim, a direcção, do que havia prometido?
Pois meus senhores, em breve, muito há para contar.

sexta-feira, 24 de agosto de 2007

Pedro Ribeiro nos sub-20


O nosso jovem ponta de lança Pedro Ribeiro foi convocado por António Violante para o estágio de preparação em R.Maior apartir de segunda-feira e que vai durar 3 dias.

Só demonstra o valor dete jovem avançado, que ainda não sabe se fica no plantel de MM.

Eis a lista de convocados:
Pedro Ribeiro (Académica), Ivan Santos (Boavista), Pedro Santos (Casa Pia), Marco Pinto (Mafra), João Gonçalves, Nuno Ferreira e Tiago Pinto (Olivais e Moscavide), Fábio Paim (Trofense), André Castro, Rui Pedro e Ventura (FC Porto), Bura e Pedro Trigueira (Ribeirão), João Traquina (Tourizense), Filipe Pinto (Merelinense), Vítor Lobo e Ruben Saldanha (Padroense), Vítor Hugo (Braga), Orlando Sá (Maria da Fonte), João Martins (Olhanense), Nelson Pereira (Pombal), Yago Fernandez (Valência), André Monteiro e Daniel Candeias (Varzim) e Luís Portela (Setúbal).

Boa sorte Pedro!!!

quinta-feira, 23 de agosto de 2007

A minha equipa


Depois da estreia na Bwin Liga 2007-2008 não ter sido positiva, a Briosa enfrenta uma União de Leiria, sempre perigosa.
Manuel Machado já contará para este jogo com Pablo Castro, Vouhu e Fofana , enquanto que P.Costa continua em dúvida.Coloco assim a minha opinião sobre a possível equipa da Briosa no Domingo.

Em 4-3-3

Pedro Roma
Sarmento
Berger
Litos
P.Castro
Paulo Sérgio
Cris
Tiero
Lito
Hélder Barbosa
Gyano

Trata-te de uma simples opinião, que poderá e deverá ser discutida por todos.
Coloquem o vosso onze para Domingo.

Texto FABULOSO *

Foi em Setúbal, numa distante tarde de Agosto, que te estreaste na equipa principal da Académica. Faz hoje precisamente 20 anos. Para trás ficara um percurso imaculado pelos escalões de formação da Briosa. O perfume de um futebol só o alcance dos predestinados. A classe e o fulgor de um executante muito, muito acima da média. Com lugar de honra no Olimpo dos eleitos.

No Santa Cruz era a dureza do piso, a poeira incomestível que os olhos absorviam impiedosamente, a vontade de jogar, o exemplo de um companheirismo sem igual, a demonstração inequívoca da grandeza de uma inolvidável escola de vida, a constante aprendizagem com os mestres, o respeito pelos outros, o sublimar da tradição de um balneário herdado de sucessivas gerações, local de culto, fábrica de valores, imagem de vida. Briosa, enfim.

Bentes, Curado, Crispim, para não falar de tantos outros, míticas figuras do imaginário da Académica, esculpiam cuidadosamente a golpes de cinzel os talentos que a Velha Senhora projectou e que ao País se deram a conhecer. Técnicos competentíssimos, pedagogos duma escola de vida onde os valores idiossincráticos da Académica eram a razão de ser do seu magistério. Professores. Amigos. Às vezes pais. Homens de corpo inteiro. Legendas imorredoiras de uma Instituição sem igual.

A tua carreira prometia grandes cometimentos, momentos de glória. O esplendor e o encanto do teu pé esquerdo de deslumbrar que aos domingos nos oferecia criações sublimes, vaticinava contos de fadas, o sucesso na ponta da chuteira.

Na Académica tiveste a sorte de encontrar um Homem, que para além de treinador, era alguém que te queria muito, que acreditava em ti, na qualidade do teu futebol, no teu futuro promissor, alguém que tanto te queria dar a mão.

Eu sei que havia Quinito, Mito, Tomás, Barry, Rolão, Pedro Xavier e tantos outros, atletas com mais do que provas dadas ao futebol, mas o Vítor Manuel sabia que tu eras um diamante para lapidar, alguém que poderia ficar na história da Associação, como um dos seus melhores executantes, alguém a quem faltava jogar para conseguir a plena afirmação, o reconhecimento da tribo, a consagração dos media.

ImageAs coisas lá iam andando, ponto aqui ponto acolá, a costumeira dificuldade num tempo de grandes diferenças entre clubes. Mas numa certa tarde de Março do teu e meu desencanto, tudo se desmoronou. Aquele que te acabara de lançar na alta roda do futebol lusitano, pagou caro com o despedimento a aposta numa juventude que nós já sabíamos e o futuro se encarregaria de evidenciar aos cépticos de então, de grande qualidade. Dimas, Márito, Rocha, Tó Luís tiveram percursos notáveis, o denominador comum da formação, o detonador de talentos chamado Vítor Manuel. Outros, por sortilégios da vida, que não por menor qualidade, ficaram pelo caminho. Paulo Antunes, por exemplo.

Quando tudo parecia estar lançado para o êxito, veio o corte radical. O esconjuro. O aviltante esquecimento. O lápis azul da censura na folha dos convocados, fruto de indecifráveis critérios, talvez técnicos, porém, quase obscenos. Com um belga por legenda e um carimbo por epitáfio. Vieram os empréstimos a minúsculos pontos referidos em mapas e veio a nova lesão que te dizimou o futuro. Que terminou abruptamente com a tua carreira. Que acabou de vez com os teus sonhos. Que nos roubou a magia das tuas performances.

Relembro agora as tuas fintas estonteantes, o ziguezaguear constante por entre os adversários, as patadas criminosas com que te paravam. Pelos meus olhos desfilam jogadas de espantar, quartas à noite, domingos de manhã, tanto, tanto futebol. Que agradeço e recordarei.

Vinte anos depois, obrigado Jorge.


*Dr. André Campos Neves

Nestor Alvarez integra plantel*


Depois de uns dias à experiência num emblema coreano, o colombiano Nestor regressou a Coimbra e, agora, com mais dois anos de contrato, deve mesmo ser reinscrito na Liga. Já não é novidade que o avançado Nestor Alvarez trabalha em Coimbra, depois da sua saída da Académica ter sido dada como certa. Porém, depois de um curto período ao serviço de um clube da liga principal da Coreia do Sul, o colombiano acabou por regressar a Portugal. Assim, a uma semana do prazo final para inscrever jogadores na Liga, tudo indica que Nestor Alvarez fará parte do grupo de trabalho da Briosa para a nova temporada. O nome do avançado integrava a lista de dispensas elaborada por Machado já há algum tempo, mas as dificuldades encontradas pelos responsáveis estudantis para colocar o atleta noutro clube proporcionam agora a Nestor – ainda com duas épocas de contrato – mais tempo ao serviço da Académica, quem sabe, para convencer Machado de que a época passada não foi suficiente para atestar a qualidade de um avançado que terminou as contas oficiais com apenas dois golos – no Dragão, na derrota por 2-1 ante o FC Porto, e no Restelo, no triunfo 1-2 frente ao Belenenses. Certo é que os dirigentes da Académica não pretendem rescindir com o jogador, até porque, se o quisessem, já o teriam feito a partir do momento em que foi tomada a decisão de não integrar o colombiano no novo plantel. O empréstimo era a ideia, mas as contingências do mercado alteraram o rumo dos acontecimentos. Entretanto, a Briosa continua a preparar a recepção à U. Leiria. Ontem, no apronto vespertino, que teve lugar no Estádio Cidade de Coimbra, Pedro Costa, Nuno Piloto e Orlando trabalharam à parte e estão em dúvida para a partida de domingo. Na peladinha que dominou as atenções da sessão, destaque para Gyano, autor de dois golos, e para Pavlovic, que assinou um tento de belo efeito, num pontapé indefensável para Pedro Roma, à entrada da área. Nota ainda para a reintegração de Hélder Barbosa no grupo, depois do extremo ter representado a selecção sub-21 na véspera, frente à selecção de Malta.

Mancha Negra intensifica campanha

A Mancha Negra vai intensificar, junto dos sócios e adeptos da Académica, a sua campanha de angariação de sócios. A partir de hoje, elementos da claque oficial academista vão palmilhar os arredores da sua sede, situada no Pavilhão Eng.º Jorge Anjinho, no sentido de dar novo fôlego à campanha que decorre até 30 de Setembro. O objectivo, numa altura em que se aproxima a estreia oficial em casa da Briosa, é chamar a atenção da cidade para o seu clube mais representativo, tentando desta maneira levar cada vez mais gente às bancadas do Estádio Cidade de Coimbra.

* As Beiras

quarta-feira, 22 de agosto de 2007

À vossa consideração

Ontem coloquei um post sobre a ocupação nos estádios Portugueses. Teve da vossa parte, uma saudável participação.
Neste momento a AAC-OAF conta com quase 11mil sócios, ou seja metade dos vinte e tal mil de há uns anos.
Muitos consideram o preços dos bilhetes exagerado, outros a falta de uma política de marketing forte, e aí eu concordo.
Mas essa baixa assistência pode ser combatida, se houveram medidas importantes, e nesse aspecto houve comentários que me agradaram muito, e que expressa muitas das coisas que podem ser feitas no ECC:

Algumas medidas sugeridas por vós:


- Dar condições especiais e boas aos que mais pagam (cativos) , incluindo :
acesso ao restaurante, acesso ao parque de estacionamento, entrada VIP, acesso a um bar decente e a casas de banho limpas

-E dar o resto dos bilhetes, distribuindo-os por escolas (pré-primária, primária, secundária e ensino superior) com duas condições: identificação das pessoas para ficarem na base de dados da AAC-OAF e uso de insígnias, distintivos, bandeiras e equipamentos da AAC-OAF.

-Arranjar cheer-leaders, fazer acordos com as classes de ginástica da AAC para espectáculos no início e no intervalo dos jogos, promovam, de vez em quando, jogos dos escalões mais jovens antes do jogo principal.

-Além disso abram classes de ginástica de competição e manutenção, karaté, judo, basket, etc, no pavilhão multi-usos para promoverem a filação de mais pessoas da Solum na AAC-OAF.


-Realizar um protocolo com a Universidade de Coimbra de modo a que aquando da matrícula no respectivo curso, esteja subjacente a recepção de um cartão de sócio da AAC-OAF. Este cartão deve conter meio ano de quotas pagas e entrada gratuita em igual período.
Objectivo: Para se sentir o emblema e estar na disposição de pagar quotas e bilhetes de entrada, é primordial promover o afecto com a instituição.


-Erro da direcção da AAC-OAF: A distribuição de bilhetes coaduna-se numa estratégia de curto prazo, para não dizer de efeitos imediatos. Os adeptos têm de ser fidelizados numa perspectiva de médio/longo prazo. O adepto tem de se sentir tentado a ir ao estádio (através do cartão de sócio e entrada livre durante um período de tempo), após esse período de tempo vai sentir uma necessidade. É esta nova necessidade que o levará a ter uma despesa monetária para combater a rotina e afecto que adquiriu.


Sendo assim, já que esta discussão está quente, gostava de continuar a ouvir as vossas opiniões, para que um dia voltemos a ver o ECC com 15mil/20mil adeptos de preto.

Só Peralta espera pelo certificado*


Como a lógica dos certificados internacionais parece ser igual à da batata, já chegaram os de Pablo Castro, Fofana e Vouho, precisamente os últimos reforços que a Académica contratou, mas ainda falta o de Peralta, que, destes quatro jogadores, foi o primeiro a apresentar-se.
Aliás, Pablo Castro e Peralta vieram do mesmo clube – Bella Vista, do Uruguai –, o que torna a situação ainda mais insólita e difícil de entender – como a lógica é a da batata, não deve ser mesmo para entender. De qualquer forma, o internacional uruguaio, que foi contratado para (tentar) substituir Filipe Teixeira, ainda pode ser opção para o importante jogo frente ao Leiria se o documento chegar até sexta-feira. Quem está fora é Pedro Costa, lesionado. Hoje, a Briosa tem dois treinos: às 9h30, no Bolão, e às 16h30, no Estádio Cidade de Coimbra.

*Ojogo

terça-feira, 21 de agosto de 2007

Treino da tarde


O treino que decorreu esta tarde nos campos do Bolão teve uma grande novidade...Um novo Manuel Machado!!!
Já tive a oportunidade de ver inúmeros treinos, e via um Manuel Machado muito passivo, mãos nos bolsos, com José Augusto a trabalhar, e muito bem.

Mas hoje, reparei num MM no centro de terreno, a dar indicações ofensivas, a gritar/berrar(às vezes incomodado com os seus jogadores) , neste caso Ivanildo não escapou:
" Ivanildo, toca a fazer alguma merdinha aí..., " ou para Joeano " aí não falhes páaaaaa, f******".
Ou seja, muito mais interventivo(espero que assim continue) que em muitos treinos, quem esteve presente não vai dizer o contrário...Algo mudou no técnico da Briosa.Será a pressão???

Gostei muito do treino, com boas indicações de Gyano, Tiero, Vouhu e Peralta (este é um artista, fez dois golos soberbos...).

A má noticia continua a ser a presença de Nestor.

Jorge de Sousa

É este o árbitro ( mais conhecido por cabeça de pila ), que nos saiu na "rifa" para o jogo Académica - U. Leiria.
Conhecido por nos prejudicar permanentemente, principalmente em nossa casa- lembramos aquele célebre AAC - Naval, em que nos expulsou 3 jogadores e Nelo Vingada.
Temos que ter atenção, senão estamos feitos.

Ocupação dos estádios Portugueses

A Bwin Liga já arrancou, mas ainda vão surgindo alguns dados curiosos da época passada. Tive acesso à ocupação dos estádios portugueses no anos passado, e os resultados são os esperados, mas deixa-me um pouco triste...

CLUBE

MÉDIA DE ESPECTADORES

PERCENTAGEM

Braga

12.628

42%

Belém

4104

21%

Boavista

4961

17%

Académica

10.240

34%

Guimarães

19.852

66%



E porquê?
Apesar da Briosa ser o 5º clube da Bwin com maior assistência, os resultados só são tão bons por causa da recepção aos grandes, já que nos outros jogos a a média era de 5000 espectadores...

O Guimarães na Liga Vitalís, sem receber os grandes, têm uma taxa de ocupação incrível.
Para esta época, já contam com mais de 15mil lugares anuais, e mais de 26 mil sócios!!!
Por cá, a malta está desmotivada, e vamos contar com 3000/4000 lugares anuais?
Tanto em Braga como em Guimarães, as campanhas de marketing são excelentes ao contrário do que é feito em Coimbra...

Pode ser feito muito mais, existe capacidade para isso!!!

Com a U. Leiria no horizonte *

Depois da dupla folga concedida aos que saíram derrotados de Alvalade, por 4-1, a Académica regressou ontem à tarde ao trabalho, já a pensar na recepção à U. Leiria.

Manuel Machado começou ontem a preparar a visita da U. Leiria a Coimbra, numa partida marcada para o próximo domingo, às 16H00. No Bolão, onde apenas falta concluir o edifício que se situa ao lado dos balneários, o grupo de trabalho voltou a juntar-se, depois da pesada derrota sofrida na casa do leão.
Pedro Costa, Vítor Vinha, Peralta e Nuno Piloto continuam a preocupar o corpo clínico da Briosa e estão todos em dúvida para o encontro da 2.ª jornada da Liga. Até lá, Machado terá de encontrar soluções para somar a primeira vitória da temporada, face a um adversário que empatou em casa (0-0 frente ao Boavista) na ronda inaugural e que, por isso, pretende, desde já, recuperar os pontos perdidos.
Ainda à procura de um padrão de jogo, é crível que Machado faça algumas alterações frente aos leirienses, face à pálida exibição em Alvalade. A começar pelo sector mais recuado, onde os defesas-centrais Berger e Orlando, adaptados às laterais, poderão ocupar outras posições no terreno. Tiero e Cris deverão manter a titularidade no "miolo", o que poderá não acontecer com Ivanildo, um dos que foram substituídos ao intervalo, numa altura em que os estudantes já perdiam em Alvalade por 2-0.
Quem luta, de forma legítima, por uma vaga no "onze", é o húngaro Gyano, autor do único golo da Briosa em Alvalade. A dupla Joeano/Gyano, algumas vezes testada ao longo da pré-época, poderá ser uma das surpresas diante dos leirienses, opção que cumpriria a tal postura ofensiva desde o apito inicial, uma das plausíveis estratégias a utilizar, sob pena da Académica ser surpreendida por um adversário que, tradicionalmente, cria enormes dificuldades quando visita o Estádio Cidade de Coimbra. Hoje, também para as 16H30, no Bolão, está marcado um novo apronto, enquanto amanhã há trabalho a dobrar: às 09H30, no Bolão, e às 16H30, no Estádio Cidade de Coimbra.

Certificados chegaram
Entretanto, chegaram ontem a Portugal os certificados dos jogadores costa-marfinenses Fofana e Vouho e do uruguaio Pablo Castro. Com estes documentos, os três atletas ficam à disposição do técnico Manuel Machado para assim fazerem a estreia oficial com a camisola da Académica. Fica, para já, a faltar desbloquear a situação do (também) uruguaio Peralta, ainda a aguardar o respectivo certificado, enquanto procura igualmente a recuperação física.

* In "As Beiras"

segunda-feira, 20 de agosto de 2007

Última hora


Zé Castro garante que não vem para o Benfica. Apesar de confirmar o interesse dos encarnados, a sua aposta continua a ser o Atlético de Madrid. A sua exibição ontem contra o Getafe ( melhor em campo) e os rasgados elogios com que os adeptos colchoneros o "mimam", fazem-no querer ficar em Madrid.
Contactado por alguém seu amigo disse: " Não vou para o Benfica".

Assim, podemos para já, esquecer algum dinheiro que poderíamos encaixar...

Zé Castro no Benfica


Com a saída de Fernando Santos do Benfica, tudo leva a crer que será Camacho a substitui-lo.
Uma das grandes prioridades do espanhol é o ex-atleta da Académica José Castro. O próprio atleta já reconheceu o interesse do Benfica.
Podem perguntar o que interessa isso à Académica.
Pois eu direi: Tudo!
Em 1º lugar, por ser um atleta com 17 anos de Académica. Depois por ter sido internacional em todas as categorias, com excepção da selecção A, com a camisola da Académica.
Em segundo lugar, a Briosa, caso o Zé Castro venha a título definitivo, pode vir a ganhar muito dinheiro, pela formação feita na Académica.
Sendo que queremos o melhor para o Zé, se fosse vendido ao Benfica, seria ouro sobre azul. Viria para um grande clube da Europa, seria uma mais valia para o futebol português, e a nossa Briosa, desafogava a nível financeiro.

Mail recebido *

Com a cabeça fria, resolvi fazer uma retrospectiva do início de época. A derrota com o Sporting foi naturalíssima, e ninguém com o mínimo de senso poderia achar normal outro resultado. Não por ser impossível, mas porque normalmente os mais fortes ganham.
Por isso, acho de alguma forma precipitado, fazer juízos de valor quanto à qualidade da equipa e do seu treinador.
Jogámos com muitos jogadores adaptados, tanto posicionalmente, como a uma realidade competitiva diferente, sendo que muitos deles pela 1ª vez pisaram um palco de Liga profissonal, e logo num dos campos mais difíceis.
Não é de mais, relembrar a prestação negativa do árbitro que nos subtraiu uma grande penalidade, e que fez da dualidade de critérios a sua máxima. Pena que fosse sempre contra a Académica.

Ainda escrevia regularmente para o "Denúncias" e dizia na pré-época que esta equipa poderia fazer um grande campeonato. Chegar inclusive, a lugares europeus. AInda bem que todos leram o comunicado interno do Presidente do OAF. Se é verdade que o 8º lugar pode não dar acesso à UEFA, considero que podemos fazer mais.
Esta convicção mantém-se, na minha opinião, sem mácula.
Lutar contra uma derrota normal, só tem um remédio. Ganhar os próximos jogos. Se tal acontecer, a moral vem ao de cimo, o treinador passa a ser bestial, e a contestação passa tão rapidamente como um furacão a mil à hora.

Estamos a falar da equipa, e vê-se que faltam homens. Mas esses já estarão disponíveis para o próximo encontro. Os Uruguaios, os Costa-Marfinenses, e os lesionados, farão parte de um rol de atletas muito interessantes. Se é verdade que jogam há pouco tempo juntos, não deixa de ser credível que as possibilidades de surpreender os adversários, por desconhecimento dos mesmos, seja um facto.
A procissão ainda vai no adro, e se se deixar cair o andor ao 1º passo, ninguém o conseguirá levantar.
Vamos pois, acreditar que vamos fazer uma boa época, que temos suficientes jogadores em qualidade e quantidade, para nos alegrar, e dar um voto de confiança a todos quantos fazem parte do departamento de futebol do OAF.

Caso N'Doye

Não quero acreditar que o Senegalês tenha um carácter tão baixo, que tenha feito menos do que devia, no jogo de Alvalade. Chegou muito tarde, tem poucos treinos, e todos os acontecimentos últimos podem deixá-lo fragilizado moral e psicologicamente. Das duas uma. Ou se confia nele, ou mande-se embora. Agora este contínuo descarregar num jogador da nossa raiva, não é bom nem para nós nem para ele.
Há que decidir e rápido. Ou contamos com ele, e devemos-lhe solidariedade para os bons e maus momentos, como se faz para os outros, ou decide-se que ele é uma menos valia, e convidemo-lo a seguir a sua vida, para que haja paz em todos os sentidos.
A Académica está acima de tudo isso.
Vamos ganhar, vamos fazer um bom campeonato, e ir à Europa. É a minha convicção e o meu desejo.

* Mário José de Castro

Hélder Barbosa «entusiasmado» pelo regresso à selecção


Hélder Barbosa em declarações ao Maisfutebol, revelou o que lhe vai na alma ao ser chamado aos sub 21, e ainda abordou o jogo de sexta-feira...

O "mágico" encara esta chamada como «especial» pois é a primeira depois da grave lesão que o afastou do Campeonato da Europa de sub-21. «Sinto-me muito bem e quero provar o meu valor. É um momento de grande felicidade e quero aproveitá-lo».

O esquerdino reservou algumas palavras para a estreia na Liga, em Alvalade. «O resultado não foi bom, mas entrei na segunda parte e senti-me bem. Depois de tanto tempo lesionado não podia ter-me sentido melhor», concluiu o jogador da Académica.

Parabens Hélder!!!

Ao sabor do Marfim *

Gândara 0
Treinador: Pedro Ilharco.
João Carlos; Luís Paiva, Fábio Alves, Óscar Ribeiro e Alex; Breda (cap.), Paulo Raquete e Hippy; Ricardo Tavares, Diogo e Gerry.
Jogaram ainda: Marcos, Daniel Costa, Alecsandro, Dani, Dias e Mini.
Suplentes não utilizados: Ivan II, Nuno Oliveira, Luís Filipe, Carlos, Pimentel e Ivan.
Académica 2
Treinador: Manuel Machado.
Ricardo; Sarmento (cap.), João Faro, Fábio e Pablo Castro; Pavlovic, Fofana, Licá e Miguel Pedro; Pedro Ribeiro e Vouho.
Jogaram ainda: Rui Nereu, Cristiano, João Pedro, Aguinaldo, Renan, Traquina e Garfo.

Parque Desportivo das Lagoas,
no Bom Sucesso.
Árbitro: José Pereira (Coimbra).
Assistentes: Frederico Lourenço e José Figueiredo.
Ao intervalo: 0-0.
Marcadores: Vouho (46m) e Pablo Castro (71m, g.p.)
Acção Disciplinar: cartão amarelo para Fábio Alves (53m) e Marcos (70m).

Os marfinenses Vouho e Fofana foram os homens em maior destaque no jogo que permitiu à Briosa conquistar a Taça S.mobile. Contudo, a nota mais saliente da partida até foi a lesão de Pavlovic, que saiu muito queixoso do joelho

O Parque Desportivo das Lagoas recebeu ontem pela primeira vez a visita de um clube do maior escalão do futebol. A Académica, com uma comitiva de dez jogadores do plantel principal e oito juniores, abrilhantou uma partida onde esteve em disputa o Troféu S.mobile, patrocinador comum às duas equipas. Os conimbricenses acabaram por vencer com naturalidade por 2-0, mas não evitaram um ou outro susto até ao intervalo, já que o Gândara exibiu-se a bom nível e parece ter condições para, no mínimo, repetir a campanha tranquila que fez no ano passado na 3.ª Divisão.
Desde cedo que o desafio foi marcado pelo vento. Mesmo jogando fora, e com um onze de recurso, a Académica pareceu adaptar-se melhor às condições meteorológicas bastante agrestes e Sarmento até chegou a aproveitar essa condicionante para enviar uma bola ao poste logo ao minuto 9.
Mas se os visitantes dominaram a primeira vintena de minutos, o Gândara equilibrou a contenda e até ao intervalo não se notou a diferença de escalões e de andamento. À beira do intervalo, Luís Paiva apareceu desmarcado na área da Briosa, mas não teve calma para inaugurar o marcador.

Vouho assim muito rápido

Ao contrário do que é costume nestes particulares, o descanso não trouxe tantas substituições como isso, mas um dos três novos jogadores em campo teve um início pouco afortunado. Marcos, guarda-redes recém-entrado do lado da equipa do Bom Sucesso, ainda não tinha tocado na bola, quando viu o avançado Vouho inaugurar a contagem ainda não tinha passado um minuto. Ainda muitos estavam a regressar do intervalo, ou a fazer contas às alterações, pelo que nem toda a gente viu a bela execução do marfinense.
Pouco tempo depois, Pavlovic lesionou-se num lance fortuito a meio-campo, e pelas queixas que apresentou no joelho esquerdo, a lesão não parece ser simpática.
À entrada dos últimos 20 minutos foi o outro marfinense a brilhar. Fofana ligou o turbo e foi derrubado na área por Marcos. O uruguaio Pablo converteu a grande penalidade e fechou as contas.
Vitória justa da Briosa, embora o meritório esforço dos jogadores de Pedro Ilharco talvez merecesse um golo para brindar o público da casa.

In "DC"

domingo, 19 de agosto de 2007

Troféu Smobile



A Académica venceu esta tarde a equipa do Gândara, da III Divisão, por 2-0 com golos de Vouhu e Pablo Castro de grande penalidade, na discussão do Troféu Smobile (patrocinador de ambos os clubes).

O jogo foi disputado no Bom Sucesso (perto da Figueira da Foz), onde Manuel Machado utilizou os jogadores não utilizados em Alvalade.

Presidente desdramatiza derrota com Sporting *


Quem pensa que a Académica está num mau momento está enganado. Esta a ideia de JES, presidente dos estudantes, que desvalorizou ontem a derrota inaugural na Liga, diante do Sporting.
" Não há motivos para grandes preocupações em Coimbra. A Académica realizou uma boa exibição perante uma equipa que é das que melhor futebol pratica em Portugal", começou por dizer o dirigente, que não escondeu a revolta pelo trabalho da arbitragem em Alvalade: " O árbitro não contribuiu num sentido activo, mas é certo que fomos prejudicados com uma grande penalidade que, em caso de golo, poderia ter transformado o jogo. As coisas foram claras e não foi um trabalho positivo. Muito pelo contrário. Ainda assim, temos que olhar em frente e pensar já nos próximos encontros."
Se no presente, para já, não existem muitos motivos para sorrir em Coimbra, José Eduardo Simões deixou muitas palavras de confiança para o futuro da equipa.
" Temos uma equipa mais forte que na época passada e vamos pontuar muito mais. Além disso temos um grupo muito unido e que dá garantias para o futuro. Estamos mais fortes em tudo", garantiu o dirigente, que espera ver o plantel completo nos próximos dias: " Temos muitos jogadores indisponíveis e não estamos na máxima força. Em breve poderemos ver uma equipa diferente. Espero que seja já na próxima jornada com a integração de alguns atletas."

* In " A BOLA"